quarta-feira, 11 de julho de 2012

Os livros e os livros de Ronald Rahal


Há algumas semanas, o escritor Ronald Rahal solicitou que eu divulgasse seus livros aqui e, desde então, eu tentava entrar, sem sucesso, no saite da editora Agbooks, que hospeda todos os seus escritos. Meu navegador sempre me alertava sobre algum risco de carregar o saite, depois pedia senhas, um embaraço. 
Não sei o quê a Agbooks tem contras os clientes para submetê-los a essa burocracia. Mas, enfim, consegui contornar os obstáculos impostos pela editora e chegar aos livros em questão, que são quatro ao todo.
O primeiro deles, publicado em 2009, é 4891, novela de 86 páginas que faz homenagem ao clássico 1984, de George Orwell.
Em 2010 o autor publicou dois romances. Regresso à máquina do tempo é uma megassaga de 561 páginas, que é também uma homenagem a um clássico da ficção científica, A máquina do tempo, de H. G. Wells, enquanto Inventário final, de 175 páginas, investe numa narrativa original, também sobre viagens no tempo.
Em 2011, Rahal apresentou o romance Vinci 238 que, em suas 352 páginas, evoca a memória do gênio renascentista Leonardo Da Vinci para contar uma história sobre a multiplicidade dos universos.
Todos os textos são oferecidos em formato real e virtual (pdf), e a Agbooks franqueia a leitura das primeiras páginas dos livros, aqui.
Sucesso, Ronald!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário